sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Desigrejados

                                              REFLEXÃO         
          Busca satisfazer seu próprio desejo aquele que se isola; ele se insurge contra toda sabedoria. Provérbios 18:1

      Tenho lido alguns artigos sobre os desigrejados, e a gente percebe que eles tem a tendência de lançar a culpa na igreja que como eles dizem, institucionalizada. O interessante é que hoje existem diversos tipos de denominações evangélicas, e o que você pensar existe. Li certa vez um artigo cujo título era Igreja A Gosto Do Freguês. Pois é, igreja existem para todos os gostos, mas para os desigrejados, nenhuma delas serve e porque será? Será que a culpa realmente é da chamada igreja institucionalizada como dizem eles? Não penso assim, o homem tem e sempre teve a tendência de se afastar do modo estabelecido por Deus no que diz respeito a reunião e a comunhão dos santos. O evangelho de João no capítulo 3:20, nos diz algo muito sério e que pode ser o caso de muitos que se afastam da igreja. João nos diz, porque todo aquele que faz o mal odeia a luz, e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas. É comum alguém não se adaptar a uma determinada denominação por diversos motivos, mas não encontrar nenhuma para congregar, aí não dá para engolir meu amigo, das duas uma, ou não se converteu, ou se apostatou. O certo, é que um dia todos daremos conta de nossas escolhas e decisões a Deus, e não creio que alguém se justificará ou será justificado diante Dele. Penso que o que está por trás deste movimento na verdade, é o orgulho e a soberba cujo final, é a ruína. Creio que aquele que se afasta da igreja que procura viver em conformidade com os ensinos de Cristo, na verdade, está dando o primeiro passo para a apostasia, porque provavelmente num determinado momento, ele se cansará até mesmo de ser um desigrejado. Mas o que há no coração do desigrejado? Primeiro, mostra um coração que se julga perfeito a ponto de não desejar congregar com os outros membros da igreja, neste casso, o tal deveria ir para o céu, porque lá é que é lugar dos perfeitos. Segundo, talvez esse coração jamais tenha nascido de novo como nos ensina a bíblia, e nesse caso, ele jamais foi transformado. Terceiro, quem age assim, não possui respaldo bíblico, tendo em vista que se todos então resolvessem pensar e agir como estes, então não teríamos a comunhão ensinada por Cristo, não enviaríamos missionários, não participaríamos da Ceia do Senhor, não haveria batismos e simplesmente não haveria a igreja visível imbuída de cumprir o ide de Jesus. Portanto, o que estamos percebendo nestes últimos tempos, são as profecias se cumprindo a respeito da grande apostasia e o esfriamento da fé como predisse Cristo por exemplo no capítulo 24 de Mateus. Bem não é meu desejo julgar e nem apontar ninguém com este pequeno artigo, mas expressar o que penso a respeito do assunto. Não é possível a gente ver que pessoas estão apontando o dedo para aqueles que querem se reunir e viver em comunhão como convém aos santos e é ensinado por Nosso Senhor Jesus Cristo, e ficarmos calados. Bem, está dito. Sem mais, fiquem todos na paz de nosso Salvador Jesus Cristo. Adalberto Pimentel da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço e será um prazer receber seu comentário que depois de aprovado será publicado.