segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

ATÉ QUANDO, SENHOR, VERÁS ISTO?

Sl 36.17

1. Até quando, Senhor, nos afrontará o adversário? Blasfemará o inimigo o teu nome para sempre?  Sl 74.10.

2. Até quando, Senhor, os homens insistirão em viver em total indiferença para com Tua santíssima Pessoa e Tua bendita Palavra?
3. Até quando, Senhor, os pregadores citarão trechos do Talmude, como se fossem palavras do Teu sagrado Livro?
4.   Até quando, Senhor, prostitutas, terroristas, beberrões inveterados, homossexuais e traficantes, serão honrados e aplaudidos pela sociedade como celebridades internacionais?
5. Até quando, Senhor, cultos serão transformados em espetáculos teatrais, cantores em atores cinematográficos, pregadores em animadores de auditórios e vigílias em feiras-livres mascaradas de religiosidade?
6. Até quando, Senhor, nossa Pátria sofrerá o maligno opróbrio da corrupção, que a faz sentir-se aviltada, envergonhada e depauperada?
7.  Até quando, Senhor, os músicos de Tua casa tocarão em um dia para Ti e no outro para "o rei momo"?
8. Até quando, Senhor, mensageiros do Teu Evangelho iludirão os seus piedosos e crédulos ouvintes, citando Flávio Josefo como se fossem escritores e escritos canônicos?
9. Até quando, Senhor, os teus amados filhos se manterão calados e inativos diante da avassaladora opressão dos programas de televisão que desonram a família, agridem a Moral, corrompem os costumes e insultam a santidade de Deus?
10. Até quando, Senhor, os governantes brasileiros privarão esta Nação de ser muito mais abençoada, por rejeitarem Israel e estreitarem laços cada vez mais fortes com seus inimigos?
11. Até quando, Senhor, Teu povo se deleitará em entoar canções que omitem teu Nome, "hinos" que imitam as cantigas entoadas a Baal e refrãos compostos para engordar a conta bancaria dos empresários insaciáveis, enquanto emagrecem a alma de multidões?
12. Até quando, Senhor, Tua Igreja se manterá alheia ao primário compromisso de completar a tarefa missionária, enviando Obreiros aos quatro cantos desta Terra tão carente de Ti?
13. Até quando, Senhor, os púlpitos da Tua Casa servirão para (e como) palcos de extravagantes desfiles de modas, a pretexto de apresentação de grupos de louvor?
14. Até quando políticos corruptos e enganadores, de fichas reconhecidamente não-limpas, bolsos apinhados de cigarro e, não raro, armas mortíferas junto ao cinto, até quando serão convidados para se sentarem no lugar dos sacerdotes ungidos para ministrar as bênçãos do Deus Trino?
15. Até quando líderes arrogantes ameaçarão as ovelhas resgatadas pelo Sangue do Cordeiro, como se suas fossem, de exclusão se forem ouvir a Palavra de Deus em cultos realizados por “outros ministérios”, ainda que com o mesmo nome?
16. Até quando, Senhor, milhares de servos Teus jogarão no lixo o seu precioso tempo escrevendo bobagens e repetindo tolices nas redes sociais, ao invés de estarem de alguma forma espalhando Tua Palavra, abençoando vidas e glorificando o te eterno e majestoso Nome?
17. Até quando, Senhor, certos homens e mulheres com vida sem propósito e sem sabor continuarão a pesquisar escândalos, selecionar imundícies e descobrir fracassos, para torná-los públicos e, assim, macular a inocência de alguns, despertar a curiosidade de muitos e, sobretudo, fazer o jogo do Teu adversário?
18. Até quando os libertos das crendices, tradições, passes e bruxarias, continuarão a ver, admirados, essas práticas clonadas nas famosas reuniões convocadas para abolição total da pobreza?
19. Até quando, Senhor, clamarei eu, e tu não me escutarás? Gritar-te-ei: Violência! e não salvarás? Habacuque 1.2

A matéria acima foi postada no link abaixo, em terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

http://prgeziel.blogspot.com.br/search?updated-min=2012-01-01T00:00:00-08:00&updated-max=2012-06-02T18:22:00-07:00&max-results=22&start=8&by-date=false

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço e será um prazer receber seu comentário que depois de aprovado será publicado.