terça-feira, 19 de novembro de 2013

Lição 8: A mulher virtuosa - Data: 24 de Novembro de 2013

      Temos na lição abaixo, um assunto mais dirigido as mulheres, mas todos devem aprender com ela. As mulheres também precisam ver virtudes em seus maridos, por isto, boa leitura.  

Lições Bíblicas CPAD - Jovens e Adultos - 4º Trimestre de 2013

Título: Sabedoria de Deus para uma vida vitoriosa — A atualidade de Provérbios e Eclesiastes - Comentarista: José Gonçalves

Lição 8: A mulher virtuosa - Data: 24 de Novembro de 2013

TEXTO ÁUREO
Mulher virtuosa, quem a achará? O seu valor muito excede o de rubins” (Pv 31.10).

VERDADE PRÁTICA
O comportamento e a sabedoria de uma mulher são os únicos critérios capazes de a definirem como virtuosa

HINOS SUGERIDOS - 262, 302, 432.

LEITURA DIÁRIA
 Segunda - Pv 31.11
A mulher virtuosa é esposa fiel
Terça - Pv 31.25,28
A mulher virtuosa é respeitada
 Quarta - Pv 31.27
A mulher virtuosa trabalha
 Quinta - Pv 31.16
A mulher virtuosa empreende
 Sexta - Pv 31.23
A mulher virtuosa recebe testemunhos
Sábado - Pv 31.30
A mulher virtuosa teme ao Senhor

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE - Provérbios Provérbios 31.10-21,23-29.
10 - (Álef) Mulher virtuosa, quem a achará? O seu valor muito excede o de rubins.
11 - (Bete) O coração do seu marido está nela confiado, e a ela nenhuma fazenda faltará.
12 - (Guímel) Ela lhe faz bem e não mal, todos os dias da sua vida.
13 - (Dálete) Busca lã e linho e trabalha de boa vontade com as suas mãos.
14 - (Hê) É como o navio mercante: de longe traz o seu pão.
15 - (Vau) Ainda de noite, se levanta e dá mantimento à sua casa e a tarefa às suas servas.
16 - (Zain) Examina uma herdade e adquire-a; planta uma vinha com o fruto de suas mãos.
17 - (Hete) Cinge os lombos de força e fortalece os braços.
18 - (Tete) Prova e vê que é boa sua mercadoria; e a sua lâmpada não se apaga de noite.
19 - (Jode) Estende as mãos ao fuso, e as palmas das suas mãos pegam na roca.
20 - (Cafe) Abre a mão ao aflito; e ao necessitado estende as mãos.
21 - (Lâmede) Não temerá, por causa da neve, porque toda a sua casa anda forrada de roupa dobrada.
23 - (Nun) Conhece-se o seu marido nas portas, quando se assenta com os anciãos da terra.
24 - (Sâmeque) Faz panos de linho fino, e vende-os, e dá cintas aos mercadores.
25 - (Ain) A força e a glória são as suas vestes, e ri-se do dia futuro.
26 - (Pê) Abre a boca com sabedoria, e a lei da beneficência está na sua língua.
27 - (Tsadê) Olha pelo governo de sua casa e não come o pão da preguiça.
28 - (Cofe) Levantam-se seus filhos, e chamam-na bem-aventurada; como também seu marido, que a louva, dizendo:
29 - (Rexe) Muitas filhas agiram virtuosamente, mas tu a todas és superior.

INTERAÇÃO
 Vivemos numa sociedade onde a figura da mulher tem se reduzido a mero objeto sexual. Nas danças, nas músicas sensuais, nos comerciais televisivos e nos outdoors, a sensualidade das mulheres brasileiras está na linha de frente. Entretanto, a Bíblia estabelece para a mulher cristã um papel protagonista e exuberante. Ser mulher, de acordo com a Palavra de Deus, é ser feminina, não feminista; madura, não imatura; santa, não depravada.
A mulher cristã, em todas as esferas da sua vida, deve viver para a glória de Deus.

OBJETIVOS
 Após esta aula, o aluno deverá estar apto a:
  • Conhecer a mulher virtuosa como esposa e mãe.
  • Compreender a mulher virtuosa como trabalhadora e empreendedora.
  • Aprender com o testemunho da mulher virtuosa como serva de Deus.

ORIENTAÇÃO PEDAGÓGICA
 Professor, para concluir o terceiro tópico, sugerimos a seguinte atividade: Peça aos alunos que, em revista, jornais ou internet , pesquisem sobre mulheres que são destaques no mercado de trabalho, mas simultaneamente, desempenham o papel de mãe e esposa no lar. Em seguida, selecione no máximo cinco pesquisas e solicite que os escolhidos apresentem os seus resultados destacando como tais mulheres desenvolveram estratégias para conciliar a carreira profissional com a vida doméstica. Permita aos alunos emitirem opiniões sobre o assunto. Conclua o tópico afirmando que o princípio bíblico para a mulher cristã não mudou: Em Deus, ela é uma brilhante profissional, mas, igualmente, mãe presente e afetuosa bem como uma esposa companheira.

COMENTÁRIO - Introdução

Palavra Chave
Virtuosa: Pessoa que possui e cultiva qualidade de virtude (moral, religiosa, social, etc). Valorosa, esforçada e afetiva.

A poesia de Provérbios 31 é uma das mais belas de toda a literatura universal. Este inspirado poema, além de mostrar o verdadeiro valor da mulher, evidencia as virtudes morais e espirituais que a fazem virtuosa. Tal mulher contrasta-se fortemente com a vil apresentada em Provérbios 11.22.
Ao contrário da virtuosa, a vil é desprovida das virtudes. A formosura da mulher virtuosa é de natureza ética; a da vil é de caráter meramente estético. A mulher virtuosa prioriza os valores interiores e faz de Deus a fonte de tudo o quanto ela é e representa. Por isso, a mulher virtuosa é tida por honrada!

I. A MULHER VIRTUOSA COMO ESPOSA

1. Tem a confiança e o respeito do marido. As bases do relacionamento conjugal são a confiança e o respeito mútuo, pois a fidelidade é um dos pilares do casamento. Onde impera a desconfiança e o desrespeito, o casamento está fadado ao fracasso. Acerca da mulher virtuosa, a Palavra de Deus é clara: “O coração do seu marido está nela confiado” (Pv 31.11). Além de significar “confiar”, a palavra hebraica batach também expressa as ideias de “sentir-se seguro” ou “estar despreocupado”.
2. Tem a admiração e o reconhecimento do marido. Uma das formas de se demonstrar amor no casamento é reconhecer a importância e o valor do cônjuge. Esse reconhecimento deve ser expresso por atitudes e palavras. Enquanto os homens são movidos pelo que veem, as mulheres respondem melhor pelo que ouvem! Por isso é importante que o esposo elogie sua esposa sempre.
Não adianta você dizer que as suas atitudes demonstram que você realmente a ama. É preciso declarar e falar que você a ama. Se a mulher de Provérbios 31 é virtuosa, o seu marido também o é. Ele expressa isso em palavras (v.29). Ele sabe que a sua esposa é virtuosa e não sente vergonha em dizer! O marido da mulher virtuosa deve tecer-lhe elogios tanto no lar quanto em público. Mas o homem que destrata sua esposa arruína o casamento e peca contra Deus (1Pe 3.7).

SINOPSE DO TÓPICO (I)
A mulher virtuosa, como esposa, tem a confiança, o respeito, a admiração e o reconhecimento do marido.

II. A MULHER VIRTUOSA COMO MÃE

1. É educadora. Em Provérbios 31.25, duas coisas são ditas a respeito da mulher virtuosa: “Força e dignidade são os seus vestidos [ARA]”. A palavra hebraica ‘oz, traduzida como força, é apresentada no texto bíblico com sentido literal e figurado. Figuradamente, descreve a segurança experimentada pelos justos (Sl 62.7; Pv 18.10). Por outro lado, o termo “dignidade”, do hebraico hadar, significa ornamento e honra. A poesia expõe os valores morais que a mulher virtuosa veste. Ela é segura, confiante e digna. Estes são os valores nos quais, como mãe, ela educará seus filhos.
2. É afetuosa. Uma das grandes causas da delinquência juvenil pode ser encontrada na ausência de afetividade na infância. Se os filhos da mulher virtuosa “levantam-se [...] e chamam-na bem-aventurada” (Pv 31.28) é porque ela sempre lhes deu afeto e atenção. Afeto gera afeto! Infelizmente, muitos pais não demonstram carinho algum pelos filhos. A rispidez e os xingamentos estão presentes na “educação” deles! Como será o futuro dessas crianças que, diariamente, são tratadas dessa forma por seus pais?

SINOPSE DO TÓPICO (II)
 Na Bíblia, como mãe, a mulher virtuosa mostra-se educadora e afetuosa.

III. A MULHER VIRTUOSA COMO TRABALHADORA
1. É dona de casa. Foi realizada nos Estados Unidos, há algum tempo, uma pesquisa envolvendo altas executivas. A pesquisa queria saber o que as faziam sentir-se realizadas como mulher. O resultado foi surpreendente: a maioria respondeu que a sua maior realização estava em ser esposa, mãe e dona de casa.
A mulher virtuosa ama os afazeres domésticos e tudo faz para cumprir com excelência a sua missão (v.27). Mas sempre que necessário, o marido pode ajudá-la nos afazeres domésticos. Dessa forma, estará demonstrando, na prática, a sua gratidão à esposa. A mulher virtuosa tem o seu trabalho devidamente reconhecido na Bíblia, e o mesmo reconhecimento deve ser dado pelo seu esposo.
2. É empreendedora. A missão da mulher moderna é bem complexa: esposa, mãe, dona de casa, trabalhadora e empreendedora. Além das tarefas domésticas, muitas vezes precisa trabalhar fora para complementar a renda da família, tendo uma jornada de trabalho repleta de atividades.
Nesse aspecto, o esposo sábio pode contribuir auxiliando a esposa em suas atividades. Se a esposa trabalha fora para ajudar o marido, ele também pode auxiliar em algumas tarefas dentro de casa, inclusive honrando-a com alguns momentos em que ela poderá descansar.

SINOPSE DO TÓPICO (III)

A mulher virtuosa além de cuidar da tarefa doméstica, se mostra empreendedora.

IV. A MULHER VIRTUOSA COMO SERVA DE DEUS

1. Dá um bom testemunho. Em Provérbios 14.1, há um forte contraste entre duas mulheres: a sábia e a tola. Esta, por sua conduta, destrói o seu lar. Mas aquela, através de seu bom testemunho, edifica a sua casa. Muitos são os casamentos fracassados e desfeitos devido à falta de sabedoria, prudência e sensatez de algumas mulheres. O marido da mulher tola pode ser considerado como um homem sofredor e infeliz. Mas o esposo da mulher virtuosa é estimado entre as autoridades e honrado “quando se assenta com os anciãos da terra” (Pv 31.23).
2. É temente a Deus. Tudo o que é testemunhado acerca da mulher virtuosa só é possível porque ela teme ao Senhor (Pv 31.30). O temor a Deus faz dela uma mulher estimada dentro e fora do lar (Pv 1.7).

SINOPSE DO TÓPICO (IV)

Como serva de Deus, a mulher virtuosa é temente ao Altíssimo e dá bom testemunho

CONCLUSÃO
Em um mundo onde os valores estéticos são mais importantes do que os éticos, as virtudes acabam sendo ignoradas. Tal inversão de valores produz consequências danosas à sociedade e principalmente à família. Mas a mulher virtuosa preserva o seu lar através de suas singulares virtudes espirituais e morais. Por isso, ela é honrada por todos. Que as servas do Senhor passem a cultivar com mais zelo as virtudes que a Bíblia expõe de maneira tão bela e clara em Provérbios 31.

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA

HENRY, M. Comentário Bíblico Antigo Testamento — Jó a Cantares de Salomão. 1 ed., RJ: CPAD, 2010.
HUGUES, B. Disciplinas da Mulher Cristã. 1 ed., RJ: CPAD, 2005.

EXERCÍCIOS
1. Quais são as bases do relacionamento conjugal?
R. São a confiança e o respeito mútuo.
2. De acordo com Provérbios 31.25 duas coisas são ditas a respeito da mulher virtuosa. O que são?
R. “Força e dignidade são os seus vestidos”.
3. Como o esposo pode ajudar a esposa que trabalha fora?
R. Se a esposa trabalha fora para ajudar o marido, ele também pode auxiliar em algumas tarefas dentro de casa, honrando-a com alguns momentos em que ela poderá descansar.
4. Qual o forte contraste presente em Provérbios 14.1? Explique.
R. A sábia e a tola. Esta, por sua conduta, destrói o seu lar. Mas aquela, através do seu testemunho, edifica a sua casa.
5. Você é uma mulher virtuosa? E você marido, é virtuoso?
R. Resposta pessoal.

AUXÍLIO BIBLIOGRÁFICO I

Subsídio Bíblico

A Mulher Virtuosa [Provérbios 31.10-31]
Esta descrição da mulher virtuosa pretende mostrar que tipos de esposas devem ser as mulheres, e que tipos de esposas os homens devem escolher; ela consiste de vinte e dois versículos, cada um deles iniciado por uma letra do alfabeto hebraico, em ordem, como alguns dos salmos, o que leva alguns a pensar que este fragmento não fazia parte da lição que a mãe de Lemuel lhe ensinava, mas era um poema, por si mesmo, escrito por algum outro autor; e talvez tivesse sido muito repetido entre os judeus piedosos, e para facilitar a memorização tivesse sido escrito alfabeticamente. Nós o temos condensado no Novo Testamento (1Tm 2.9,10; 1Pe 3.1-6), onde o dever recomendado às esposas está de acordo com esta descrição de uma boa esposa; e com boas razões há tanta ênfase sobre ele, uma vez que o fato de que as mães sejam sábias e boas, contribui, tanto quanto qualquer outra coisa, para a promoção da religião nas famílias, e a sua transmissão para a posteridade [...]” (HENRY, M. Comentário Bíblico Antigo Testamento — Jó a Cantares de Salomão. 1 ed., RJ: CPAD, 2010, pp.885-86).

AUXÍLIO BIBLIOGRÁFICO II

Subsídio Vida Cristã

A MATERNIDADE EM NOSSA NATUREZA
A palavra criar origina-se da palavra latina que significa ‘ato de alimentar, amamentar ou nutrir’. Em nossa linguagem vigente, seu significado é mais para o bem-estar de todos. Conclui-se que se o suave toque maternal de uma mulher faltar, a sociedade com certeza se degenerará. Você não tem de ir muito longe para obter provas do que está acontecendo à nossa volta. As crianças do mundo estão chorando por um toque feminino e maternal. Mas submeter-se ao plano de Deus para a essência materna de nosso ser requer disciplina, sobretudo levando em conta nossa cultura.
A Palavra de Deus ensina que gerar vida é exclusivamente feminino. Todas somos filhas de Eva, cujo nome é revelado em Gênesis 3.20, que significa ‘mãe de todos os viventes’. Assim como Eva, foi dado a cada uma de nós um corpo projetado para gerar vida. Somos lembradas disso todos os meses com o armazenamento e passagem de sangue necessário para a nutrição do recém-nascido. Nossos seios têm a faculdade de nutrir o recém-nascido. As mulheres que ficam grávidas e dão à luz experimentam a plena realização desses dons e fazem a descoberta magnificamente pessoal de que uma criança depende completamente do corpo da mãe para a própria vida.
Mas há muitas mulheres que nunca dão à luz, cuja maternidade se estenderá necessariamente aos que não são seus filhos. Não é o processo de gravidez e parto que torna uma filha de Eva mãe.
A Bíblia ensina que todas as mulheres são criadas para ‘ser mãe’, gerar vida. Ser mãe é mais que um mero mecanismo de útero e seio; é muito mais profundo. E as mulheres ficam mais femininas quando são mães” (HUGUES, B. Disciplinas da Mulher Cristã. 1 ed., RJ: CPAD, 2005, p.154).

SUBSÍDIOS ENSINADOR CRISTÃO

A Mulher Virtuosa
 O que é ser uma mulher virtuosa? Será que é aquela que vive para o lar e não trabalha fora e que tem sempre uma atitude servil? Por muitos séculos a mulher foi excluída, colocada à margem da sociedade, vivendo sob o jugo do preconceito, da indiferença. Porém, o Criador sempre amou e honrou as mulheres.
A cultura judaica era dura com a mulher. Segundo o Dicionário Bíblico Wycliffe “na sociedade hebraica a mulher era considerada parte da propriedade de um homem” (Gn 31.14,15; Rt 4.5,10). O texto de Juízes 19.24 mostra um pouco do abuso e da violência a que as mulheres eram submetidas (Jz 19.24,29).
Jesus, o Filho de Deus foi gerado no ventre de uma mulher virtuosa. Um gesto que mostra o quanto Deus ama e respeita a mulher. O Salvador nasceu em uma cultura em que as mulheres eram vítimas de preconceito. Elas eram deixadas à margem. As mulheres não eram nem mesmo contadas. Quando Marta pede a Jesus para que Maria deixe a sala, talvez seja porque este local era restrito aos homens. No Antigo Testamento as mulheres ficavam a parte quando havia visitantes (Gn 18.9). Naquela cultura não havia espaço para o discipulado entre as mulheres. Jesus quebrou vários paradigmas ao ensinar e evangelizar as mulheres (Jo 4.10-26; 11.20-27). Em o Novo Testamento, no Templo de Herodes, elas ficavam separadas em um local chamado de “pátio das mulheres”. Jesus abriu as portas das prisões sociais e valorizou a mulher como ninguém nunca o fez ou fará (Is 61.1): “Nisto não há judeu nem grego; não há servo nem livre; não há macho nem fêmea; porque todos vós sois um em Cristo Jesus” (Gl 3.28).
No livro de Provérbios encontramos vários textos e ensinos a respeito das mulheres (da mulher vil e da virtuosa).
A mulher virtuosa descrita no capítulo 31 é uma mulher que está à frente do seu tempo. Ela é vista como alguém que cuida bem da casa, do marido e dos filhos, mas ela é também uma mulher de negócios, uma empreendedora. Ela faz, vende e importa produtos (Pv 10.10-31). A mulher virtuosa é descrita como alguém que tem excelentes habilidades, e que é sábia. Sem sabedoria não há virtudes. Que as mulheres que temem ao Senhor busquem a sabedoria divina para que possam viver de modo que os filhos e toda a sua casa possam dizer: Bem-aventurada!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço e será um prazer receber seu comentário que depois de aprovado será publicado.