terça-feira, 15 de outubro de 2013

Jardim de sua vida

Imagine que sua vida é um jardim, e você precisa protege-lo
Leia a matéria abaixo do site: http://www.pibcopa.org.br/0,,ART2814-54,00.html
 
Cultivar e guardar
               O Livro de Gênesis registrou o maravilhoso presente de Deus para com a humanidade, dando ao homem total domínio sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus, sobre os animas domésticos e “toda a terra” (Gênesis 1:26). Repare que Deus soprou vida ao homem fora do jardim, mas foi dentro dele que Deus iniciou seus propósitos para com a sua criatura humana. Ao homem foi dada a oportunidade de entrar no jardim do Éden com responsabilidades escolhidas não por ele, mas pelo seu próprio criador. “O Senhor Deus tomou o homem, e o pôs no jardim do Éden para o cultivar e o guardar” (Gênesis 2:15). 
             Duas palavras chave para nossa meditação: cultivar e guardar. Note que a primeira responsabilidade descrita à Adão neste versículo foi a de cultivar o seu jardim. Cultivar é em si uma ação de trabalho. Portanto, ao homem foi entregue uma tarefa: a de trabalhar para manutenção de seu jardim paraíso.
            A segunda responsabilidade está no verbo “guardar”. Esta expressão que encontramos, atualmente, é encontrada em diversas traduções bíblicas. A palavra guardar vem da raiz do hebraico shamar que significa “custodiar”, “preservar”, “observar”, “reter firmemente”, mas principalmente destaca-se pela tradução vigiar. Mas do que ou de quem Adão teria que guardar, proteger e vigiar seu jardim que aparentemente tão perfeito era visitado todos os dias por Deus? Seria uma instrução de Deus dada para guardá-lo de animais ferozes? Parece que o cuidado era de guardar o jardim de um outro tipo de animal feroz, o próprio satanás em forma de serpente.
Apesar da permissão soberana de Deus em nossas vidas, há sempre um cuidado especial para realização de Seus propósitos. Afinal de contas, o “cultivar” e o “guardar” com responsabilidade tem sido um desafio para os dias adversos da caminhada cristã. Impossível seria alcançarmos tais realizações sem a maravilhosa graça de nosso Senhor Jesus Cristo. O apóstolo Pedro deixa claro que “o diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar;” (I Pd 5:8b), e continua sua orientação advertindo-nos que em relação a satanás deve-se, “resistir-lhe firme na fé”. (I Pd 5: 9a).
            Assim como Adão, em cada etapa de nossas vidas, recebemos diversas responsabilidades de acordo com os propósitos do Senhor. Cultivar nossa terra é nossa batalha árdua, e protegê-la das astúcias armadilhas de satanás tem sido uma guerra espiritual contínua que só pode ser vencida diariamente através da fé cristã. Se você é casado, lute por alcançar a verdadeira alegria em Cristo Jesus para seu cônjuge e lar. Se você é pai ou mãe, esforce para alcançar honra de seus filhos abençoando-os por meio de suas palavras e ações, tendo como base a Palavra de Deus, exortando-os em amor quando preciso for. Mas sendo você filho como também sou, lutemos por honrar nossos pais continuamente com todo amor, respeito e carinho. E como disse nosso amigo e pastor Silas de Oliveira em uma de suas mensagens para os pais: “Nunca faremos por eles, tudo quanto eles fizeram por nós”.
           Sejamos neste mais um ano, responsáveis em cultivar e guardar tudo aquilo que Deus entregar em nossas mãos. Agradeço aos amados e queridos irmãos da PIB Copa por abençoar-me através de seus dízimos e ofertas que me sustentam como seminarista desta casa de Deus!
 
Aos irmãos, graça e paz!
Paulo Victor Leonel
É seminarista no Seminário Teológico Betel

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço e será um prazer receber seu comentário que depois de aprovado será publicado.