sexta-feira, 30 de agosto de 2013

CRENDO EM VÃO




(1Co 15:1-3)- Também vos notifico, irmãos, o evangelho que já vos tenho anunciado, o qual também recebestes e no qual também permaneceis; 2 pelo qual também sois salvos, se o retiverdes tal como vo-lo tenho anunciado, se não é que crestes em vão. 3 Porque primeiramente vos entreguei o que também recebi: que Cristo morreu por nossos pecados, segundo as Escrituras.

       Esta é uma mensagem profunda que deve levar todo aquele que se diz cristão a uma reflexão da origem e da fonte de sua fé. O texto em si, faz menção sobre a ressurreição de Cristo que muitos não criam na época de Jesus, mas meu comentário é sobre os cristãos nominais que manifestam possuir uma fé, mas que não é de origem autenticamente bíblica, mas apenas tradicional e religiosa. Nós os temos visto de montão dentro de igrejas evangélicas ou não, o que é muito triste porque muitos estão se enganando com um cristo que não é o Cristo do evangelho e isto é muito sério porque envolve a salvação. Quantos estão partindo desta vida e enfrentando uma terrível realidade ao descobrirem que tiveram uma fé falsa que não foi produzida pelo evangelho de Cristo? É preciso meu amado leitor que olhemos para dentro de nós, e verifiquemos se nossa fé também não é vã. Temos observado muita gente se definindo como evangélica ou evangélico, mas que seu testemunho não nos mostra isto. Você já observou no meio artístico, por exemplo, quantos e quantas se apresentam como evangélicas ou evangélicos, mas que seus testemunhos e comportamentos não condizem com o evangelho anunciado por Cristo e depois enviado aos gentios por Paulo? Pessoas que se apresentam como cristãs, mas que estão terrivelmente mergulhadas na idolatria? Me refiro também a idolatria alastrada no meio chamado evangélico, que ao invés de adorarem a Deus em espírito e em verdade, se apegam também em objetos e amuletos de todos os tipos e por aí vai. E os adoradores de mamom? E os novos adoradores do facebook? Do celular? Do tablet? Internet? Do estomago? Da tira visão (televisão)? Cristãos contaminados pelas “doces” oferendas deste mundo vil? A situação é muito difícil, temos visto uma geração de pseudos cristãos que não conhecem o evangelho de Cristo, não tem comunhão com Ele, não tem vida de oração, não suportam a correção bíblica e vivem correndo de igreja em igreja como uma pluma levada pelo vento, além de somar em suas vidas derrotas e mais derrotas diante da oferta do pecado. Meu dileto leitor, não vamos nos enganar com o que temos visto por aí, mas nos apeguemos ao evangelho de Cristo, porque só assim teremos direção segura para nossa fé. Precisamos desenvolver o hábito diário pela leitura bíblica, de forma que a cada dia Ela venha revelar coisas novas ao nosso coração, precisamos crescer na santificação de forma que a cada ano estejamos melhores. Precisamos ter uma vida de oração e comunhão tão grande com Deus, que fará com que nossos dias sejam dias de paz, alegria do Espírito e que experimentemos a seiva que sai do trono de Deus para abençoar e alimentar a nossa alma e assim, tenhamos doçura em nossa vida. Não podemos viver de migalhas ou das migalhas deste mundo vil, mas precisamos nos alimentar do pão da vida que é o Jesus do evangelho. Infelizmente e sem generalizar, repito, sem generalizar, o que temos visto é uma geração de pessoas mentalmente carnais, incessíveis a voz de Deus, mundanas, vulgares, imorais e pagãs se intitulando de igreja, mas que não querem nada com a igreja da bíblia. Pessoas que apenas mudaram de religião sem jamais terem experimentado o novo nascimento e a transformação que o verdadeiro cristão deve apresentar, e que sem os quais ninguém verá o Senhor face a face. Deus nos chamou para sermos frutíferos, espirituais, amigos de Deus e não amigos deste mundo caído. Se você é amigo do mundo, tenha certeza que você ainda permanece inimigo de Deus. Deus Nos chamou para vivermos uma nova vida em Cristo e não uma vida enganosa e seca. Deus chama os ossos secos para virem a Ele para terem vida e não para continuarem como ossos secos, “cristãos” sem vida, sem oração, sem comunhão e longe do Deus do evangelho. No Salmo 101:3, temos um ótimo conselho do salmista, veja o que ele disse: Não porei coisa má diante dos meus olhos; aborreço as ações daqueles que se desviam; nada se me pegará. Primeiro, o salmista se preocupa com a santificação de seus olhos que são as “janelas da sua alma”, segundo aborrece as ações, o mau comportamento, o mau testemunho, a má fama daqueles que não andam segundo a vontade de Deus, o salmista não detesta estas pessoas, mas as sua obras pecaminosas, terceiro, nada dessas coisas se apegam ou desviam a atenção do salmista da lei do Senhor seu Deus, visto com certeza, sua maturidade espiritual, sua dedicação a Deus e a sua Palavra onde com certeza medita dia e noite, além de sua vida de oração. Realmente é um conselho muito importante para nós que nos identificamos como cristãos. Sem duvida, não desejo lhe ofender, se você meu dileto leitor anda afastado do Senhor, saiba que Ele ainda está com as mãos estendida a você, Ele te ama e te chama com amor, mas haverá um tempo no dia do juízo, que Ele aplicara a sua justiça. Por isto, não endureça seu coração e volte a Palavra de Deus e tenha uma vida frutífera com Ele e que Deus te abençoe. (Abaixo, deixo um comentário extraído da Bíblia de Estudo Pentecostal). Sem mais, fique com Deus. Pb Adalberto Pimentel da Silva

SE O RETIVERDES TAL COMO VO-LO TENHO ANUNCIADO. Ser crente não é apenas a pessoa ter fé em Jesus Cristo. Antes, crente é aquele que têm fé em Jesus Cristo como revelado na mensagem integral do evangelho (vv. 1-4). A fé que tal pessoa tem em Cristo está sempre vinculada à Palavra de Deus e à doutrina dos apóstolos (vv.1-3; 11.2,23; Rm 6.17; Gl 1.12). Por essa razão, os crentes podem ser descritos como o povo que se submete ao Cristo da Bíblia como seu Senhor e Salvador e que vive submisso à Palavra de Deus. Os crentes se submetem sem reservas à autoridade da Bíblia, observam seus ensinos, confiam nas suas promessas, acatam suas admoestações e cumprem os seus mandamentos. É um povo submisso sem reserva à Palavra de Deus, que a usa para testar todas as idéias humanas e que não aceita nada que seja contrário à Bíblia. (Comentário extraído da Bíblia de Estudo Pentecostal)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço e será um prazer receber seu comentário que depois de aprovado será publicado.